O primeiro ano a gente não esquece

Foram muitas horas de preparação, dois anos de angústia, emoções misturadas, vontade de ir embora, vontade de ficar, amigos que deixamos, incertezas, sacrifícios, mas valeu a pena. Chegamos ao aeroporto de Toronto no dia 17 de julho de 2009 numa tarde de sexta-feira e nossos amigos Meg, André e Márcio nos esperavam lá pra nos dar as boas-vindas! Obrigada, queridos!

Depois de 365 dias cheios de alegrias, algumas decepções, realizações, cansaço, ansiedade, reencontros, saudades, estamos aqui, firmes e fortes, prontos para muitos outros “aniversários de Canadá”. Nos sentimos adaptados, mas aprendendo muito a cada dia. Pois mudar de país não é fácil. É quase como nascer de novo! Tirar documentos, aprender como funcionam as coisas, interagir com a(s) cultura(s) local(is), destravar a língua pra ter a fluência no idioma, entender os diversos sotaques que existem por aqui, enfim, uma vida totalmente diferente da que tínhamos no Brasil em muitos sentidos, mas com a qual nos identificamos bastante e já nos sentimos “daqui”.

Agora é continuar na luta, com força e garra pra superar todos os desafios que ainda estão por vir! E aguardar mais dois anos pra dar entrada no pedido de cidadania! Yay!

Beijos!

Andréa