E a fila andou…

Pois é, a fila do Consulado andou. Recebemos no dia 15 de janeiro (é, eu sei, já devia ter falado sobre isso, mas estou atolada no trabalho…!) um e-mail do Consulado solicitando os documentos! Ufa! Segunda etapa começando!

Depois de nos certificarmos de que não era trote – todo mundo comenta que recebe uma carta, que fica cercando o carteiro, abre e fecha a caixinha do correio várias vezes por dia, estranhamos que eles tivessem enviado a solicitação por e-mail – já estamos começando a providenciar alguns documentos.

Temos até meados de maio para mandar tudo. Parece muito tempo mas quatro meses passam voando! Principalmente quando a pessoa tem que tirar Atestado de Antecedentes Criminais em outro estado, que é o meu caso. Como morei em São Paulo durante um ano e meio, vou ter que ir até lá pessoalmente para solicitar o atestado, é mole?

Outra novidade é que finalmente me inscrevi para fazer o IELTS. Marquei para dia 29 de março (aniversário do Edu… vai me dar sorte!!!) e terei a companhia de alguns de nossos amigos de caminhada aqui do Rio que farão a prova no mesmo dia. Já estou com algum material em mãos, mas ainda não tive tempo (nem paciência, confesso) de começar a fazer as provas. Quero fazer um simulado, contando o tempo real que vou ter para fazer as provas, pra ver se dá pra fazer com calma ou se vou ter que correr e responder muito rápido as questões.

Quem sabe no feriadão do Carnaval eu consigo? Se não tiver nenhum bloco inconveniente batucando na minha cabeça… Pra quem não sabe, moramos em Laranjeiras e atrás do nosso prédio tem um bloco chamado “Concentra mas não sai”. Ou seja, ele fica ali, o tempo todo, perturbando quem  não está nem aí pro Carnaval (nosso caso, por sinal!), com o som altíssimo, tocando aquelas mesmas músicas de sempre… um saco!

São essas as novidades mais recentes. Assim que tiver algo de novo ou interessante eu coloco aqui, OK?

E obrigada a todos que têm passado por aqui e nos deixado comentários e votos de feliz ano novo. Esperamos que 2008 seja um ano excelente para todos!

Beijos,

Andréa

Se contar isso lá em portugal…

Pois é. Ficamos um bom tempo sem acesso a Internet em casa. Somos assinante do Vírtua, da NET. Ao voltarmos do Canadá fiz um upgrade no computador. Com isso, resolvi instalar o Windows Vista. Foi aí que eu comecei a ter problemas.

Conseguia conexão muito raramente. E depois de dois dias, Internet se tornou um sonho inatingível. Liguei para a assistência técnica do Vírtua e agendei uma visita. No dia marcado, ninguém apareceu. Eu, o otário da história, liguei para lá e me informaram que a visita havia sido cancelada, não se sabe porque, como, quando e por quem. Agendei uma nova.

E, para contrariar, não é que o técnico apareceu? E disse que o sinal tava perfeito e que o problema era a incompatibilidade entre o Vírtua e o Windows Vista. E que o melhor que eu tinha a fazer era mudar de volta para o Windows XP. Tive que instalar o XP para poder ter a Internet que pago caro. Se contar isso lá em Portugal vão achar que é piada…

Abs!

5o. Encontro – Processo Federal – Rio

Pois é, mal chegamos e já combinamos um encontro com o pessoal aqui do Rio. Mas tem que ser assim mesmo, senão perdemos o pique. Estamos fazendo o possível para organizar esses encontros todo mês. Isso faz com que as pessoas fiquem mais próximas e que a amizade se solidifique. Lá no Canadá vamos precisar uns dos outros e nada melhor do que já nos conhecermos desde o Brasil.

O encontro de janeiro será amanhã, 12/1, na Ilha do Governador, na casa do Eduardo e da Vânia. Se alguém quiser, por favor, entre em contato ainda hoje por e-mail ou deixando comentário aqui no blog, OK? Como vai ser na casa deles, não acho legal postar o endereço, vocês entendem, né?

Depois postaremos as fotos!

Beijos,

Andréa

De volta para o Inferno

Sabem aqueles produtos que vão do freezer diretamente ao forno? É como nos sentimos no dia 28 de dezembro, quando voltamos para o Rio. Estavámos em um clima muito bom (cerca de -2C) e chegamos no Rio com 37C. Pegamos temperaturas muito baixas por lá (-12C, -16C), mas a média era de -2C. Muito fácil de encarar quando se tem as roupas adequadas. E roupas adequadas para 40C? Podemos ir trabalhar de bermuda e camiseta?

O Inferno que me referi é por conta do clima. Até porque nem preciso mais citar aqui os problemas pelos quais o Rio e o Brasil passam. O Canadá não é o paraíso na Terra. Mas o Brasil tem muito a aprender com eles, em termos de organização, respeito, planejamento, leis e muito mais. Posso até estar falando demais para o pouco que conheço do Canadá, mas dentre as coisas que vi, nada me chamou a atenção negativamente.

A viagem foi muito positiva para efetivarmos o desejo de mudança de vida. E claro que para melhor. Temos em mente que sentiremos falta de muitas coisas do Brasil, como a família, os amigos e o tempero da comida. Mas é o preço que temos que pagar para tentarmos esta melhoria. Muitos não entendem e nem vão entender, por mais que expliquemos os motivos da nossa escolha. Mas é algo que cada um tem que lidar com as suas escolhas.

E uma coisa é certa: todos os amigos serão muito bem recebidos quando forem nos visitar no Canadá. Claro que ainda falta passar muita água por debaixo desta ponte. A cada dia que passa, cresce o sentimento de que estamos fazendo a coisa certa.

Agradecimentos especiais: Ao Flávio, Márcia e todo o pessoal bem animado de Mississauga; ao Dhiren e sua esposa Imee; à Vanessa e seu namorado Kent e a todos que acompanharam aqui pelo blog a nossa curta saga de exploração nas terras do norte. Em breve colocaremos novas fotos no fotolog e mais informações colhidas em Ontário.

Abs!